Quinto: OAB chama críticas de ex-vice-presidente a data de eleição de “picuinhas e ataques passionais”

Foto: Divulgação
O pleito entre os advogados está marcado para 13 de outubro 14 de setembro de 2022 | 14:54

Quinto: OAB chama críticas de ex-vice-presidente a data de eleição de “picuinhas e ataques passionais”

Após a ex-vice-presidente da OAB-BA Ana Patrícia Dantas Leão criticar o prazo de menos de 35 dias para que advogados que são candidatos à vaga de desembargador do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) façam campanha, o presidente da Comissão Especial Temporária para o Quinto Constitucional, Fabrício Bastos, em conversa com este Política Livre, disse que não pode “perder tempo com picuinhas e ataques passionais” sobre a organização do processo. O pleito entre os advogados que vai escolher a lista sêxtupla está marcado para 13 de outubro.

“A consulta à classe para o Quinto Constitucional não é eleição partidária. Nesse processo, o advogado escolhe currículo, história, ética, coerência, notório saber jurídico, reputação ilibada… Não se edifica tais atributos em pouco tempo. Faz parte da história de vida de cada postulante. A OAB-BA vai fazer de forma igualitária à ampla divulgação dos currículos dos postulantes e faremos sabatina com transmissão em tempo real. No mais, não podemos perder tempo com picuinhas e ataques passionais”, afirmou Fabrício.

Este Política Livre também procurou a presidente da seccional baiana, a advogada Daniela Borges, para comentar as declarações da ex-vice-presidente. No entanto, através da assessoria da Ordem, foi dito que todos os assuntos relacionados ao Quinto estão sendo tratados pelo presidente da Comissão Temporária. Ana Patrícia, na última semana, afirmou que o calendário do Quinto beneficia os candidatos “apoiados pela própria OAB”, e que o prazo de 35 dias de campanha é menor até mesmo que o período das Eleições Gerais de 2022.