OAB ativa primeiro parlatório virtual para advogados no Presídio Masculino de Itajaí

-

- Publicidade -

O primeiro parlatório virtual para advogados em Santa Catarina foi ativado nesta segunda-feira, 22, no Presídio Masculino de Itajaí, por meio de uma solenidade online. Demanda da OAB, a novidade modalidade de atendimento para pessoas privadas de liberdade começa a funcionar porquê um projeto piloto e, ao longo dos próximos 90 dias, será medido para identificar necessidades de adaptações, alterações ou melhorias na proposta. 

O parlatório possibilitará o atendimento entre advogados e seus clientes de forma remota e agendada, por meio de sistema de videochamadas. No espaço que foi readequado pelos internos do CPVI há três salas, mas neste momento somente uma entra em operação para que sejam feitos testes e ajustes iniciais. 

“A óptimo parceria com a OAB para estudo da proposta de parlatório virtual se constitui numa medida opção aos parlatórios existentes em todas as unidades prisionais e socioeducativas do estado”, destacou o secretário de Gestão Prisional e Socioeducativa, Leandro Lima. Ele lembrou que todas as restrições implantadas no sistema, desde março do ano pretérito para atender ao concepção de barreira sanitária, receberam medidas compensatórias. “Desde o início da pandemia tivemos 78.040 atendimentos de advogados; 93 milénio visitas virtuais e murado de 106 milénio e-mails trocados entre internos e familiares. Nossa luta diária tem sido pela preservação da vida”, pontuou Leandro Lima.

Coordenador do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Prisional do TJSC, o desembargador Leopoldo Brüggemann enfatizou que o parlatório virtual é um legado da pandemia e agradeceu ao titular da SAP pelo esforço em tornar o recurso uma veras. 

“Essa é uma experiência importante para a advocacia catarinense”, disse Sergio Laguna, procurador-geral ajuntado para Assuntos Jurídicos.

- Publicidade -

Para o presidente da OAB, Rafael Horn, é mais uma vitória em resguardo da advocacia criminal e da cidadania. “O parlatório virtual melhorará não somente a assistência jurídica prestada pela advocacia às pessoas que se encontram presas, com o aprimoramento da distribuição da Justiça, mas também contribuirá para a segurança e a saúde de todos que trabalham no sistema prisional catarinense, ainda mais durante o momento de pandemia pelo qual passamos”, considerou Horn. 

Em sua sintoma, o presidente da Percentagem de Implantação do Parlatório Virtual, Leonardo Pereima, enalteceu a relevância da novidade utensílio. “Considero principal para melhorar o atendimento jurídico aos recolhidos porquê também é uma importante conquista para a advocacia e para o sistema judiciário. O mentor da OAB Vale do Itajaí, Thiago Pereira, destacou a relevância da OAB na conquista do pleito, muito porquê a relevância da conversa reservada entre cliente e legista.

Secretaria da Gestão Prisional e Socioeducativo (SAP)
E-mail: [email protected]
Fone: (48) 3664-5810 / (48) 99668-9634
Site: www.sjc.sc.gov.br 

- Publicidade -

Compartilhe

Recent comments