Jurista-bomba da Lava Jato do Rio mostra mensagens a colegas para se proteger – 25/02/2021 – Mônica Bergamo

-

- Publicidade -

O criminalista Nythalmar Dias Ferreira Rebento, tido por advogados porquê “homem-bomba” da Lava Jato do Rio de Janeiro, procurou colegas para mostrar áudios de conversas que diz ter gravado quando atuou na operação. Do outro lado da traço estariam, segundo disse, agentes que participaram das investigações. Os advogados ficaram impressionados —embora não tenham porquê checar a autenticidade das gravações.

RADAR 

Nythalmar entrou no radar da advocacia do Rio quando começou a ter triunfo considerado fora da curva na resguardo de investigados da Lava Jato —atraindo clientes que antes contratavam bancas renomadas de resguardo.

DE PERTO  

O sucesso foi tanto que advogados apresentaram representação contra ele, acusando-o de cooptar clientes alegando uma suposta proximidade com o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal do Rio.

DE LONGE 

Nythalmar passou portanto a ser investigado sob a suspeita de usar o nome do juiz para vender facilidades a alvos da Lava Jato, chegando a tolerar operações de procura e inquietação em seus endereços. Ele nega tudo. Mas, acuado, partiu para o contra-ataque nos bastidores.

CARTA 

- Publicidade -

Em sua atual cruzada, além de mostrar supostas conversas que teria tido com investigadores, ele exibe documentos para provar que não tentou cooptar clientes. Um deles é uma epístola de próprio punho do ex-governador Sergio Cabral negando que tenha sido procurado pelo patrono, porquê havia sido publicado.

QUARENTENA

com BRUNO B. SORAGGI, BIANKA VIEIRA e VICTORIA AZEVEDO


LINK PRESENTE: Gostou desta pilar? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul aquém.

- Publicidade -

Compartilhe

Recent comments