Advogados órfãos – Colaboradores – Quotidiano do Nordeste

-

- Publicidade -

Porquê é ser um jurisperito nos dias hodiernos? Quais conhecimentos deve possuir para se diferenciar? Que habilidades e técnicas fazem segmento de seu curriculum profissional? O jurisperito profissional conta com o auxílio de sua entidade de classe? Infelizmente, parece que no Ceará, a resposta é rotunda: não!

É cediço que em todo o País há uma espalhamento assoberbada de novas faculdades que ofertam o curso jurídico porquê meio para estampas de que o “Recta” é a solução dos problemas para obtenção da tão sonhada segurança financeira. Neste sentido há verdadeira crise, um colapso do sistema educacional, principalmente na seara jurídica. Todos os anos, faculdades regurgitam milhares de novos bacharéis, sem ao menos dar-lhes o verdadeiro preparo que o mercado exige.

Neste ínterim, o retrato que observamos é: a famigerada OAB, notadamente no contextura estadual, encontra-se muda, opaca, nublada e anêmica.

Isso no vértice de ajudar o jurisperito, pois no vetor contrário ela surpreende com anuidade faceta mesmo diante das inúmeras dificuldades decorrentes da pandemia, sem fornecer zero em retorno para o jurisperito; gestão que arbitrariamente move pessoas de funções das quais foram democraticamente escolhidas pela classe; passa a cobrar valores de cursos ofertados pela Escola Superior de Advocacia, quando a gestão hasteava outro estandarte durante seu início; e, por termo, ainda ignora pleitos de outras entidades que enviam sugestão para aplacar as desigualdades sociais e facilitar a advocacia bevilaquiana. 

- Publicidade -

Fico triste pela situação, haja vista ter outrora participado de uma OAB-CE porquê Mentor, porquê Diretor e porquê Presidente de Percentagem, onde o jurisperito era, de indumentária, atendido pelo Presidente sem qualquer rouparia ou ideologia política. Por isso, nós, advogados bevilaquianos, só temos uma equação: ou a gente muda, ou a nossa OAB ficará muda!  

Roberto Victor 

Presidente da Ateneu Cearense de Recta



- Publicidade -

Compartilhe

Recent comments